OAB-AL: Duas mulheres são eleitas para os caros de presidente e vice do Tribunal de Justiça Desportiva de Alagoas

As advogadas Ana Lydia de Almeida Seabra e Maria Daniela Lindoso Borçato foram eleitas, na última sexta-feira (6), presidente e vice-presidente, respectivamente, do Tribunal de Justiça Desportiva de Alagoas. É a primeira vez em que duas mulheres ocupam esses cargos ao mesmo tempo na história do TJD-AL.

O mandato dura um ano, e os representantes ficarão à frente do TJD até dezembro de 2020. Além das advogadas, o Tribunal Pleno foi composto por Felipe Medeiros Nobre e Vitor Antônio Teixeira Gaia, indicados pela Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas; Rafael Dias, como corregedor, Matheus Malta Argolo, José Venâncio de Almeida Jr., Paulo Jorge Guedes Nunes e Rogério Melo Teixeira.

Já a procuradoria foi composta por Talvanes Lins e Silva, Márcio Alves Barbosa, André Felipe Alves Cardoso, André Felipe Firmo Alves, Petrúcio Pereira Guedes, Gervásio Braz Bezerra e Alberto Anderson Romão dos Santos. O defensor será Josemberg de Ataíde Santos e, como secretário geral, Osvaldo Lourenço da Silva Júnior.

Para a advogada Ana Lydia Seabra, que já ocupou cargos como corregedora e vice-presidente do TJD, é uma honra assumir, ao lado de outra mulher, a diretoria do Tribunal. “É muito importante a presença de mulheres em órgãos. Estou muito feliz, o reconhecimento é muito gratificante e pretendo fazer uma boa gestão, buscando mais visibilidade para o Tribunal. Talvez, por ser uma diretoria feminina, nós esbarremos em alguns preconceitos, mas estaremos lutando para avançar na gestão e crescimento do TJD”, destacou a advogada.

10/12/2019

(Visited 1 times, 1 visits today)